Pular para o conteúdo principal

Mirella



Uma palavra dura te vira menina
Coberta de fitas, de flores
Respira novos ares
Redescoberta, desprotegida
Rodeada de amores
Silencia e grita a alma
Entende igual a criança que sente
Brinca que nem a adulta que abusa
Neste dia te mando para alma sorrisos
Com dentes à mostra
Sadios e iluminados
Para que a vida pulse
Pule e rebole e tenha cautela
Que saia do ventre
Requebre e receba
Que nada te passe desapercebido
Não se prive do que lhe é permitido
Que a vida te dance
E você dance a vida


Maritta Cury

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sem quereres

Tem horas que a vida não te deixa ser aquilo que você quer ser.
É como se ela te obrigasse a virar outro ser, sem quereres, sem querer...

Umbigo

Caro amigo, existe um mundo além do seu umbigo!

Maritta Cury

Dia de Abraço

que em apenas um passo
desconstruam-se os erros
e  rodopie meu compasso
que em apenas uma cena,
só por hoje, dia de abraço,
floresça mel e vida na veia