Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2010

Mulher Maravilha

Suas palavras, breves O poder maior do universo Força suficiente para aquecer um coração Impulso exato para içar um corpo inerte Carinho único que transborda o mundo Afeto com mérito do único respiro do dia Com direito a sorriso e descontração Alma de profunda admiração Só quero te dar um abraço Mãe, minha vida, mulher maravilha Um ser mais forte e presente não há Torço que um dia eu te traga alegria Minha luz de verdade Capaz de animar, aninhar Hoje ainda me carrega nos braços E sei que para sempre me acolherá Amanhã, todas as minhas forças, Para você eu vou dar

Maritta Cury

Melina

Uma mulher mais compreensiva Uma conselheira mais menina Aprendizado que modifica Anos que amaciam Alma se torna mais calma Função de cura todo dia Terapia, academia Sol de noite e dia Sintonia de sensações, idéias Disritmia de impressões, ações Diferentes e parecidas Assim por dentro como por fora Semelhança escondida Quem vê de longe não avalia Do meu coração para o seu Te mando a luz na medida Na quantidade apropriada Que ilumine o caminho que é seu E chegue tão logo quanto necessário

Maritta Cury

Mirella

Uma palavra dura te vira menina Coberta de fitas, de flores Respira novos ares Redescoberta, desprotegida Rodeada de amores Silencia e grita a alma Entende igual a criança que sente Brinca que nem a adulta que abusa Neste dia te mando para alma sorrisos Com dentes à mostra Sadios e iluminados Para que a vida pulse Pule e rebole e tenha cautela Que saia do ventre Requebre e receba Que nada te passe desapercebido Não se prive do que lhe é permitido Que a vida te dance E você dance a vida

Maritta Cury